Pânico na Band – Ceará sepulta personagem Silvio Santos

25/06/2012Você está em: >>   Pânico na Band – Ceará sepulta personagem Silvio Santos

A edição deste domingo, dia 24, do “Pânico na Band” aproveitou para se despedir do personagem de Silvio Santos, que foi simbolicamente sepultado. Isso porque o apresentador conseguiu na justiça vencer ação que proíbe os comediantes do Pânico de fazer imitações suas.

Ceará Pânico na Band

Portanto esta foi a ultima vez que Ceará encarnou o personagem. Além disso, o “Pânico” está proibido de se aproximar menos de 100 metros de Silvio Santos, fazer imagens, ou mencionar o seu nome.

Por isso durante o programa, Silvio foi chamado apenas de “a piada” ou “o personagem”. Vale lembrar que o comediante Ceará encarnou o personagem de Silvio Santos por nove anos. O “Pânico” iniciou com ar bastante fúnebre, onde todas as pessoas apareciam vestidas de preto, no maior clima de velório.

Foi Emilio Surita quem anunciou que a data era muito triste para todos, já que estavam se despedindo de um personagem antigo, que fez sucesso durante anos a fio na atração. Assim o clima de suspense ficou no ar, deixando os telespectadores sem entender o que estava acontecendo.

Na sequencia um velório foi encenado no palco. Ao centro estava Ceará dentro de um caixão, usando as roupas de Silvio Santos. Ele permaneceu lá durante todo o programa, enquanto os quadros eram chamados normalmente.

Além disso, personagens clássicos do SBT, como Vera Verão e Turma do Chaves passaram pelo palco. Para completar a brincadeira, frequentemente uma era recebida uma coroa de flores no nome de Sonia Abrão. Ao final da atração Silvio/Ceará foi enterrado, com isso o “Pânico” simboliza o fim de um dos personagens mais antigos e clássicos da atração.